Tudo sobre o Sisu 2020 – Sistema de Seleção Unificada

Para os estudantes que têm interesse em participar do Sisu 2020, fiquem atentos a todas informações referente ao programa. Neste artigo falaremos tudo sobre o Sisu 2020 – Sistema de Seleção Unificada. Veja como funciona e o que é preciso para poder participar desse programa.

Além do Sisu 2020 que disponibiliza vagas em universidades federais, o Governo possui outros programas. Eventualmente os mais utilizados são Prouni – Programa Universidade para Todos e Fies – Fundo de Financiamento Estudantil. Entretanto, vale lembrar que estes programas são destinados para instituições privadas.

O que é o Sisu

Imagem tudo sobre o Sisu 2020 - Sistema de Seleção UnificadaEventualmente o Sisu possui dois períodos de inscrições, um a cada seis meses. Caso o aluno tenha participado do primeiro semestre e não tenha conseguido ser selecionado durante o processo de seleção do Sisu, decerto poderá concorrer no segundo semestre.

Para poder participar do Sisu 2020, o estudante precisa ter realizado o Enem 2019 – Exame Nacional do Ensino Médio. Além disso, ter nota maior que zero na redação. Eventualmente não tenha participado desta da última edição do exame ou ter zerado a redação, certamente não poderá participar do sistema de seleção.

No Sisu o participante pode escolher até dois tipos de curso, turno e instituição. Deverá ser apresentado de acordo com a preferência. O processo de seleção do Sisu é feito através de notas de corte. Para quem não sabe nota de corte é a pontuação mínima para estar entre os selecionados. 

A nota de corte do Sisu 2020 será calculado diariamente, ou seja, haverá alteração todos os dias. A pontuação é calculada com base no número de inscritos e quantidades de vagas disponíveis. 

Caso o estudante não tenha conseguido ser contemplado através do processo de seleção do Sisu, o aluno ainda pode ser selecionado caso esteja inscrito na lista de espera do Sisu.

Como e onde se inscrever no Sisu 2020

Antes de mais nada, para iniciar a inscrição no Sisu 2020, aconselhamos todos a lerem o edital. É de extrema importância a leitura do documento que será divulgado no Diário Oficial da União – DOU. Certamente nele estará estabelecidas todas as regras, normas e datas do programa.

Para dar início no processo de inscrição o Sisu 2020, o participante deve acessar a página oficial do programa, disponível neste seguinte link: http://sisu.mec.gov.br/. O primeiro passo é informar o número de inscrição no Enem 2019. Caso não se recorde, basta acessar a página do participante do exame.

Após preencher com o número de sua matrícula, o estudante deve informar um endereço de e-mail e um número de telefone pessoal válidos. Será através destes que o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) irá notificar o aluno.

Para finalizar a inscrição, basta informar dois tipos de cursos, turnos e instituições de sua preferência. É preciso de muita atenção ao selecionar o curso, pois caso a nota no Enem 2019 não se adapte na pontuação de corte do curso, será então impossível de ser contemplado com uma vaga.

Tendo então o aluno selecionado os curso, turnos e instituições de sua preferência resta a ele finalizar a sua inscrição no sistema.

Lista de Espera do Sisu 2020

Sisu 2020 - Sistema de Seleção UnificadaPara estar presente na lista de espera é preciso acessar o boletim do candidato e manifestar interesse. Desse modo, fica a critério do estudante querer participar ou não, pois não é obrigatório.

A lista de espera do Sisu foi criada para o preenchimento de vagas que não foram ocupadas pelos participantes que foram selecionados no processo de seleção do programa.

Muitos estudantes não comparecem nas instituições que foram contemplados ou não apresentam a documentação necessária para a matrícula.

Certamente é de total responsabilidade do aluno a verificação da presença do nome na lista de pré-selecionados. Mesmo com a lista de espera o estudante não consiga ser selecionado pelo curso de sua preferência, ele pode participar do segundo semestre.

Caso tenham mais dúvidas referentes ao Sisu 2020, deixe-as nos comentários. Não esqueça de avaliar a qualidade do artigo através das estrelinhas abaixo, desde já obrigado e boa sorte a todos.

Sisu 2020 desde as Inscrições até os Resultados

Neste artigo vamos ensinar tudo sobre o Sisu 2020 desde as inscrições até os resultados. O Sistema de Seleção Unificada é a principal porta de entrada para as universidades federais. O programa utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem como critério de seleção.

O Sisu 2020 abre as inscrições duas vezes ao ano, sendo a primeira no mês de janeiro e a outra no segundo semestre. O sistema possui algumas exigências na qual vamos apresentar no decorrer do artigo. Todavia, já podemos adiantar que o candidato deverá ter nota maior que zero na redação.

O sistema é gerenciado pelo Ministério da Educação – MEC na qual exigem o número de inscrição da última edição do Enem, ou seja, 2019. A inscrição é totalmente gratuita, todavia, é famoso pela grande concorrência, tendo alguns cursos com exigência de nota de corte.

Como se inscrever para o Sisu 2020

Imagem Sisu 2020 desde as Inscrições até os ResultadosAs inscrições e o acompanhamento poderá ser feito através do portal do MEC no endereço eletrônico http://sisu.mec.gov.br/. O cadastro poderá ser feito até às 23h59min horário de Brasília. Eventualmente durante a madrugada é atualizada a nota de corte de cada curso e a lista com os pré-selecionados.

Para iniciar a inscrição do Sisu 2020 basta informar o número de cadastro do Enem 2019 e senha. Desse modo, automaticamente o sistema irá conferir se o candidato está apto para participar da seleção. O sistema também terá acesso a nome do estudante, CPF – Cadastro de Pessoa Física entre outros dados pessoais que possui no cadastro do exame.

Como foi informado, atualmente instituições muito concorridas estão autorizadas a exigir nota mínima. Os mais concorridos são medicina, ABI – educação física, superior do audiovisual, têxtil e moda, cinema, ABI- enfermagem e entre outros.

Após preencher os dados o estudante deverá informar duas opções de curso sendo em ordem de preferência. Durante o período de inscrição, os estudantes poderão alterar as opções, na qual o sistema valida a última confirmação.

Durante a madrugada o sistema ficará off, pois no dia seguinte terá a atualização da nota de corte (nota mínima para estar entre os selecionados) e a lista dos pré-selecionados. A nota de corte é calculada com base no número de candidatos inscritos no curso e quantidade de vagas disponíveis.

Modalidade de concorrência do Sisu 2020

Além dos cursos o estudante deverá apresentar a modalidade de concorrência para o Sisu 2020 e instituição. Em algumas situações o sistema disponibiliza três modalidades, sendo elas Lei de cotas, vagas para ampla concorrência e políticas de ações afirmativas.

  • Lei de Cotas – Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012: Este tipo de modalidade obriga as instituições a disponibilizar 50% das vagas destinadas para estudantes que concluíram todo o ensino médio em escola de rede pública;
  • Ampla concorrência: A única exigência para concorrer a esta modalidade é que tenha participado do Enem 2019;
  • Políticas de ações afirmativas: Esta modalidade o sistema deixa a critério das instituições, pois ela que determina a quantidade e tipo de pessoa que poderão concorrer a este tipo de vaga.

Resultado do Sisu 2020

Quando começam as inscrições SisuAs inscrições para o Sisu 2020 deverá ter uma duração de 4 dias, entretanto, o resultado não será divulgado no dia seguinte, normalmente é após dois dias do encerramento. É importante lembrar que as listas com os pré-selecionados não serão oficiais, pois é atualizada diariamente.

Para acessar o resultado do Sisu 2020 basta informar o número de inscrição do Enem e a senha. Para notas de corte idênticas o sistema utiliza como critério de preferência a maior nota obtida na seguinte ordem:

  • Redação;
  • Linguagens, códigos e suas tecnologias;
  • Matemática e suas tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas tecnologias;
  • Ciências Humanas e suas tecnologias.

Para os selecionados é importante lembrar que possui um prazo para que o candidato faça a matrícula. É de responsabilidade do estudante o acompanhamento e matrícula, por isso entre em contato com a instituição para se informar sobre todos os documentos necessários.

Para os que não forem selecionados o sistema disponibiliza uma lista de espera do Sisu 2020, estão aptos apenas aqueles estudantes: Que não foram selecionados em nenhuma das opções ou aqueles que foram selecionados na segunda opção.

Esta lista será disponibilizada para as instituições para que seja feito o preenchimento de vagas não ocupadas. É importante lembrar que os participantes concorrerão apenas a primeira opção de curso.

Boa sorte aqueles que procuram um sonho no Sisu 2020 – Sistema de Seleção Unificada! Não esqueçam de nós avaliar nas estrelinhas abaixo, desde já obrigado!

Sisu 2020 Notas de Corte

Aos participantes do Sisu 2020, fiquem atentos as notas de corte estabelecidas para cada curso e também a nota de corte da lista de pré-selecionados. Neste artigo vamos esclarecer um pouco melhor sobre as notas de corte do Sisu 2020 (Sistema de Seleção Unificado) para que você fique ainda mais por dentro do programa.

O que é a nota de corte do Sisu 2020

Ao realizar as provas do Enem 2019 – Exame Nacional do Ensino Médio, o participante obteve uma nota nas provas de conhecimentos gerais e redação. As notas que foram obtidas, serão as que o aluno terá para poder participar do processo de seleção do Sisu 2020.

Cada instituição do país obtém uma nota de corte específica para cada curso, sendo essa nota, a mínima que o aluno precisa obter nas provas do Enem para poder concorrer a uma vaga no curso de sua preferência.

Sisu 2020 Notas de CorteCaso o participante não tenha uma nota que se adapte ao do curso escolhido pelo mesmo, este então não terá menor chance de ser contemplado.

A nota de corte estabelecida por cada instituição para os cursos, serão as mesmas que iniciarão o processo de seleção do Sisu 2020.

São alteradas diariamente estas notas de corte, ficando por responsabilidade do aluno averiguar se seu nome está ou não presente na lista dos pré-selecionados.

Passa a ser a nota de corte do dia seguinte, a menor nota dos alunos presentes na lista de pré-selecionados. Essa alteração permanecerá durante todos os dias das inscrições do Sisu 2020.

Caso a nota de corte do dia seguinte não se enquadre mais na nota do Enem do participante, este então não poderá mais ser selecionado pelo Sisu 2020, a não ser que esteja inscrito na lista de espera do programa.

Serão então os selecionados pelo Sisu 2020, aqueles participantes que tenham o seu nome presente na lista dos pré-selecionados após o término do processo de seleção.

Àqueles que infelizmente não conseguiram serem selecionados, não percam as esperanças, pois ainda tem o período de inscrição da lista de espera do Sisu 2020.

Lista de Espera do Sisu 2020

Muitos dos estudantes contemplados no processo de seleção do Sisu 2020 não comparecem nas instituições ou, não realizam as matrículas nos dias estabelecidos pela mesma, deixando então essas vagas sem ocupação.

A lista de espera do Sisu 2020 foi criada para o preenchimento destas vagas, mas só poderão participar desta lista os participantes que se inscreverem.

É de muita importância a leitura do edital do Sisu 2020, pois além de estarem lá esclarecidas todas as regras e normas do programa, ficam também esclarecidos os dias específicos para a realização da inscrição na lista de espera.

A seleção na lista de espera, é semelhante a do primeiro processo de seleção do Sisu 2020, iniciando com a nota de corte do curso que ainda obtêm vagas a serem ocupadas, ocorrendo então mudanças diárias nestas notas.

Assim como no primeiro processo de seleção do Sisu 2020, serão contemplados aqueles estudantes que permanecerem na lista dos pré-selecionados após o término do processo de seleção da lista de espera.

Para não correrem riscos de perderem suas vagas, os participantes selecionados devem entrar em contato com a instituição que os mesmos foram contemplados para saber o dia do início das matrículas e também a documentação necessária para apresentar-se.

Caso ainda permaneça vagas abertas, pelas quais também não foram ocupadas pelos estudantes selecionados na lista de espera, ficará a critério da instituição de como realizar o preenchimento destas vagas.

Para aqueles que infelizmente não foram selecionados, só restará esperanças para o segundo semestre de inscrições no Sisu 2020.

Os mesmos que participarem do primeiro semestre do Sisu 2020 e não forem selecionados, podem também participar do segundo semestre.

Caso ainda tenha mais dúvidas referentes ao Sisu 2020, deixe-as nos comentários que teremos o prazer de esclarecê-las para vocês.